Índice Remédio BUCLINA

Apresentações
Cartucho contendo 20 comprimidos.
Composição
Cada comprimido contém: cloridrato de buclizina 25mg, excipientes q.s.p. 1 comprimido (amido de milho, amido pré-gelatinizado, celulose microcristalina, lactose monoidratada, povidona, estearato de magnésio).
Informações ao paciente
Ação esperada do medicamento: BUCLINA é um medicamento que possui em sua fórmula uma substância chamada cloridrato de buclizina. Esta substância age no organismo promovendo o estímulo do apetite. Cuidados de conservação: BUCLINA deve ser guardado em sua embalagem original, em temperatura ambiente (entre 15 e 30° C). Protegido da luz e umidade. Prazo de validade: Impresso na embalagem: ao comprar qualquer medicamento verifique o prazo de validade. Não use remédio com prazo de validade vencido. Além de não obter o efeito desejado, você poderá prejudicar sua saúde. Gravidez e lactação: o uso de BUCLINA durante a gravidez e lactação está contraindicado. Informe imediatamente ao médico se houver suspeita de gravidez durante ou após o uso da medicação. Informe ao médico se estiver amamentando. Cuidados de administração: o comprimido de BUCLINA deve ser ingerido com água antes das refeições. Siga a orientação de seu médico respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Interrupção do tratamento: não interrompa o tratamento nem troque de medicação sem o conhecimento de seu médico, pois isto poderá prejudicar o tratamento de sua doença. Reações adversas: informe seu médico sobre o aparecimento de reações desagradáveis com o uso de BUCLINA, em especial sintomas como sonolência diurna, principalmente no início do tratamento. Informe seu médico sobre quaisquer outras reações desagradáveis atribuíveis à medicação. TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS. Ingestão concomitante com outras substâncias: BUCLINA não deve ser ingerido juntamente com bebidas alcoólicas. Informe seu médico caso esteja fazendo uso de outros medicamentos, principalmente antidepressivos, anti-histamínicos, hipnóticos, antiespasmódicos e outros. Contraindicações: BUCLINA está contraindicado durante o período de gestação e amamentação. Precauções: em pessoas mais sensíveis, BUCLINA pode provocar sonolência. Assim, estes pacientes devem evitar dirigir veículos ou operar máquinas perigosas, pois sua habilidade e atenção podem estar prejudicadas. NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO. PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE.
Informações técnicas
Características. BUCLINA encerra em sua fórmula o cloridrato de buclizina, um derivado piperazínico com ações orexígena, anti-histamínica e antiemética. A buclizina possui acentuado efeito orexígeno, à semelhança de alguns outros anti-histamínicos. O mecanismo dessa ação estimulante do apetite não está ainda bem determinado, mas parece ser devido a um efeito hipoglicemiante e consequente estimulação do centro do apetite, no hipotálamo. Sua leve ação sedativa contribuiria também para reforçar o efeito orexígeno. A buclizina possui ainda um discreto efeito antimuscarínico central.
Indicações
BUCLINA é indicado como estimulante do apetite.
Contraindicações
Na posologia recomendada, não existem contraindicações específicas. Tendo em vista a inexistência de dados referentes ao efeito sobre a gestação, o uso de BUCLINA é desaconselhado em mulheres grávidas e lactantes.
Precauções
Em pacientes especialmente sensíveis, o leve efeito sedativo do cloridrato de buclizina pode potencializar a ação de substâncias depressoras do sistema nervoso central, inclusive bebidas alcoólicas. Nessa eventualidade, o paciente deve evitar dirigir veículos e operar máquinas perigosas.
Interações medicamentosas
Possibilidade de potencialização dos depressores do sistema nervoso central (hipnóticos, anestésicos, álcool etc.); possibilidade de mascarar testes diagnósticos cutâneos com extratos alergênicos; levar em conta os riscos de adição do efeito atropínico, em caso de associação com outras substâncias anticolinérgicas (anti-histamínicos, neurolépticos, antiparkinsonianos, anticolinérgicos, antiespasmódicos, atropínicos, disopiramida, antidepressivos tricíclicos).
Posologia e modo de usar
Via oral. Adultos: 1 comprimido meia hora antes do almoço e 1 comprimido meia hora antes do jantar. Crianças de 6 a 12 anos: meio comprimido meia hora antes do almoço e meio comprimido meia hora antes do jantar.
Reações adversas
As vezes pode ocorrer sonolência diurna, geralmente no início do tratamento.
Superdose
Não foram descritos casos de intoxicação com cloridrato de buclizina até o presente. A superdosagem acidental ou voluntária pode teoricamente provocar sinais e sintomas de intoxicação atropínica, cuja gravidade depende da dose e das condições do paciente. A conduta terapêutica na intoxicação por anticolinérgicos inclui emese provocada, lavagem gástrica com solução a 4% de ácido tânico, administração de carvão ativado, e eventual uso de fisostigmina (ou neostigmina), benzodiazepinas, noradrenalina, respiração assistida e hidratação, na dependência dos sintomas.
"SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO".
VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.
Reg. MS.: 1.1300.0985.

Adicionar um comentário

 
Strict Standards: Declaration of MY_Exceptions::show_404() should be compatible with CI_Exceptions::show_404($page = '', $log_error = true) in /home/farmacoinfo/public_html/br/application/core/MY_Exceptions.php on line 0

A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Undefined index: gracias

Filename: blocks/med_comentarios_form.php

Line Number: 16

*