DERMATISAN - Superdose

O uso excessivo ou prolongado de corticosteróides tópicos pode suprimir a função hipófise-adrenal, resultando em insuficiência adrenal secundária.
Uma única superdose de gentamicina não produzirá sintomas.
Por via sistêmica, o tolnaftato é farmacologicamente inativo.
O clioquinol raramente produz iodismo.
O uso excessivo e prolongado de antibióticos tópicos pode resultar em proliferação de microrganismos não suscetíveis nas lesões.
É indicado tratamento sintomático apropriado. Os sintomas de hipercorticismo agudo são virtualmente reversíveis. Tratar o desequilíbrio eletrolítico, se necessário. Em casos de toxicidade crônica, aconselha-se retirada gradual do esteróide.
Se ocorrer superinfecção por organismos não sensíveis, interromper o tratamento com DERMATISAN® creme ou pomada e instituir terapia apropriada.
Pacientes idosos:
Não há relatos na literatura sobre cuidados específicos no uso deste medicamento por pacientes idosos.