Índice Remédio NEPODEX

Apresentações
Colírio: embalagem com 1 frasco plástico conta-gotas contendo 5 mL de suspensão estéril.
Pomada Oftálmica: embalagem com 1 bisnaga contendo 3,5 g de conteúdo estéril.
USO ADULTO E PEDIÁTRICO.
Composição
Colírio: Cada mL contém: dexametasona 1,0 mg sulfato de neomicina (equivalente a 3,5 mg de neomicina base) 5,0 mg; sulfato de polimixina B 6.000 UI; Veículo estéril q.s.p.1 mL. Componentes não ativos: fosfato de sódio dibásico hepta-hidratado, ácido cítrico, polissorbato 20, edetato dissódico, cloreto de sódio, cloreto de benzalcônio (como conservante), hidroxietilcelulose e água purificada. Pomada Oftálmica: Cada g contém: dexametasona 1,0 mg; sulfato de neomicina (equivalente a 3,5 mg de neomicina base) 5,0 mg; sulfato de polimixina B 6.000 UI - Excipiente estéril q.s.p.1g. Componentes não ativos: clorobutanol (como conservante), óleo mineral, cera microcristalina, lanolina anidra e vaselina branca.
Informações técnicas
Farmacologia Clínica - A dexametasona é um corticosteróide potente. Os corticosteróides tópicos agem através da supressão da resposta inflamatória, podendo levar a um retardamento no processo de cicatrização. Devido à inibição dos mecanismos de defesa do organismo contra infecções, é aconselhável em alguns casos a associação de agentes antimicrobianos. Esta associação em um mesmo medicamento facilita a adesão do paciente ao tratamento, por sua maior comodidade e assegura a aplicação da dosagem correta de cada droga.
A neomicina é um aminoglicosídeo ativo contra várias bactérias: estafilococos, gonococos, Acinetobacter sp, Brucela sp, Escherichia coli, Haemophilus influenzae, Klebsiella sp, Salmonella sp, Serratia sp, Shigella sp, Yersinia sp. A polimixina B é um antibiótico bactericida da família dos polipeptídeos. A sua atividade antibacteriana está limitada aos bacilos Gram-negativos: Klebsiella sp, Enterobacter sp, Escherichia coli, Haemophilus influenzae, Pasteurella sp, Pseudomonas aeruginosa, Salmonella sp.
Indicações
Nas afecções inflamatórias oculares, acompanhadas de infecção ou risco de infecção por micro-organismos susceptíveis ao sulfato de neomicina e sulfato de polimixina B. NEPODEX (dexametasona, neomicina e polimixina B) é ativo contra Staphylococcus aureus, Escherichia coli, Haemophilus influenzae, Klebsiella sp, Enterobacter sp, Neisseria sp e Pseudomonas aeruginosa. NEPODEX (dexametasona, neomicina e polimixina B) é indicado nas condições inflamatórias das pálpebras e conjuntiva bulbar, córnea e segmento anterior do globo ocular, assim como na uveíte anterior crônica e traumas corneanos causados por queimaduras química, térmica ou por radiação e também em casos de corpo estranho na córnea.
Contraindicações
Hipersensibilidade aos componentes da fórmula. Infecções oculares por micobactérias. Doenças micóticas oculares. Ceratite epitelial por herpes simples (ceratite dendrítica), vacínia, varicela e outras doenças oculares virais. Não se recomenda o uso deste produto após a remoção não complicada de corpo estranho da córnea.
Advertências e precauções
Exclusivamente para uso tópico ocular. Não deve ser injetado. O uso prolongado pode suprimir a resposta do organismo e aumentar o risco de infecções secundárias oculares. Nas afecções que causam o adelgaçamento da córnea ou da esclera são conhecidos casos de perfuração com o uso de esteróides tópicos. Os esteróides podem mascarar infecção ou exacerbar as infecções existentes. Recomenda-se cautela se for utilizado em presença de herpes simples. Tratamentos prolongados (10 dias ou mais) requerem monitoração frequente da pressão intraocular. A aplicação prolongada de esteróides tópicos pode provocar o aparecimento de glaucoma, com dano ao nervo óptico, afetando a acuidade e os campos visuais, e formação de catarata subcapsular posterior. Em caso de tratamento concomitante com outros colírios, recomenda-se aguardar um intervalo de 15 minutos entre as aplicações. A repetição da prescrição inicial por mais de 20 mL ou 8 g, respectivamente, de colírio ou pomada, deve ser feita somente depois de examinar o paciente com auxílio de magnificação, como biomicroscopia com lâmpada de fenda e, se necessário, por coloração com fluorescência. Deve-se considerar a possibilidade de infecções micóticas persistentes da córnea após a administração prolongada de esteróides. O sulfato de neomicina pode causar sensibilização cutânea.
Gravidez: NEPODEX (dexametasona, neomicina e polimixina B) não foi estudado na gravidez humana. Não se determinou a segurança do uso prolongado de esteróides tópicos em mulheres grávidas. NEPODEX (dexametasona, neomicina e polimixina B) deve ser utilizado em mulheres grávidas somente se os potenciais benefícios justificarem os potenciais riscos. Amamentação: Não é conhecido se a administração tópica pode resultar em absorção sistêmica suficiente para produzir quantidades detectáveis no leite humano. Mulheres que amamentam devem evitar o uso do produto.
Posologia e modo de usar
Colírio: Agitar bem antes de usar. Usar 1 ou 2 gotas no saco conjuntival. Em casos graves, a critério médico, as gotas podem ser administradas de hora em hora, diminuindo-se gradativamente a dosagem quando houver melhora da inflamação. Em casos leves, a frequência recomendada é de 4 a 6 aplicações diárias.
Pomada oftálmica: Aplicar uma pequena quantidade (1 a 1,5 cm) da pomada no saco conjuntival 3 a 6 vezes por dia, conforme orientação médica, diminuindo-se gradativamente a dosagem quando houver melhora da inflamação. Para maior comodidade, o colírio pode ser usado durante o dia e a pomada à noite, ao deitar-se.
Reações adversas
Efeitos colaterais: A reação mais comum aos anti-infecciosos é a sensibilização. Os corticosteróides podem provocar a elevação da pressão intraocular, com possível desenvolvimento de glaucoma e dano ao nervo óptico, formação de catarata subcapsular posterior e retardo na cicatrização. O uso prolongado pode levar ao desenvolvimento de infecções por micro-organismos não sensíveis, inclusive fungos. A possibilidade de infecção por fungos deve ser considerada em caso de ulceração corneana persistente que esteja sendo tratada com esteróides.
Pacientes idosos
Seguir orientação médica.
Dizeres legais
VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.
SÓ PODE SER VENDIDO COM RETENÇÃO DA RECEITA.
COLÍRIO: MS n° 1.1725.0018.001-5
POMADA OFTÁLMICA: MS n° 1.1725.0018.002-3

Adicionar um comentário

 
Strict Standards: Declaration of MY_Exceptions::show_404() should be compatible with CI_Exceptions::show_404($page = '', $log_error = true) in /home/farmacoinfo/public_html/br/application/core/MY_Exceptions.php on line 0

A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Undefined index: gracias

Filename: blocks/med_comentarios_form.php

Line Number: 16

*