ACEMETACINA Informações da substância

Ações terapêuticas

Anti-inflamatório e analgésico não esteroide.

Propriedades

Pertence ao grupo dos derivados indolacéticos. Seu mecanismo de ação consiste na inibição da atividade da enzima cicloxigenase, que diminui a formação de precursores de prostaglandinas e tromboxanos a partir do ácido araquidônico. Partilha a maioria das características farmacológicas da indometacina; por isso, recomendamos uma leitura no item que se refere a ela, nesta mesma seção.

Indicações

Tratamento sintomático de processos reumáticos: artrite reumatoide, osteoartrose espondilite anquilosante, inflamações reumáticas extra-articulares.

Posologia

A dose habitual é de 60 mg, 1 a 3 vezes ao dia.

Reações adversas

Moléstias gastrintestinais: náuseas, vômitos, dor epigástrica, constipação, meteorismo. Alterações passageiras da acuidade visual, escotoma cintilante, zumbido nos ouvidos, enjoo e fadiga.

Precauções

Asma ou doenças alérgicas (urticária, febre do feno). Antecedente de úlcera gastroduodenal. Pacientes idosos. Insuficiência renal ou cardíaca, epilepsia, mal de Parkinson ou distúrbios psíquicos.

Interações

Embora não se tenha confirmado esta interação, recomenda-se utilizar de forma cautelosa a associação com anticoagulantes e hipoglicemiantes orais.

Contraindicações

Hipersensibilidade ao fármaco ou a outros AINE. Úlcera péptica ou duodenal ativas. Insuficiência renal ou hepática graves. Gravidez e lactação. Menores de 14 anos.