AMICACINA - Propriedades

A amicacina é um antibiótico bactericida do grupo dos aminoglicosídeos, que atua fundamentalmente sobre as bactérias Gram-negativas. Para chegar ao sítio de ação, a amicacina atravessa: 1) a membrana externa das bactérias ao difundir-se por poros formados por proteínas que se denominam porinas e 2) a membrana citoplasmática, para o qual é necessária energia proveniente do transporte de elétrons na membrana. Por último, une-se à subunidade 30 S dos ribossomos para induzir uma leitura errônea do código genérico. Algumas evidências sugerem que os aminoglicosídeos também poderiam inibir os processos de iniciação e elongação da síntese de proteínas. A grande maioria das cepas bacterianas são resistentes aos aminoglicosídeos, sintetizando enzimas (geralmente codificadas por plasmídeos) que catalizam a inativação destas drogas. A amicacina, tal qual outros aminoglicosídeos, é uma molécula grande carregada positivamente, razão pela qual não é absorvida pela mucosa gastrintestinal nem atravessa com facilidade a barreira hematoencefálica. É absorvida com rapidez logo após a administração intramuscular e aproximadamente 91% é excretado sem modificação por via urinária, sempre que a função renal for normal. A meia-vida de eliminação é de 2 horas. Espectro útil da amicacina: bactérias Gram-negativas incluindo Pseudomonas aeruginosa, Escherichia coli, Proteus indol-positivos e indol-negativos, Providencia sp., Klebsiella, Enterobacter, Serratia sp. e Acinetobacter.