BACITRACINA Informações da substância

Ações terapêuticas

Antibiótico polipeptídico de uso tópico.

Propriedades

É um antibiótico constituído por uma mistura de antibióticos polipeptídicos relacionados, cujo principal componente é a bacitracina A produzida no desenvolvimento de um microrganismo do gênero Licheniformis do bacilo subtilis. Seu mecanismo de ação é semelhante ao dos antibióticos betalactâmicos como a penicilina, por interferir na síntese da parede bacteriana de diferentes germes e bacilos Gram-positivos como Streptococcus hemolíticos. Apresenta-se como sal de zinco, cuja potência não deve ser inferior a 40U de bacitracina por mg. Atualmente é utilizado com pouca frequência para uso local em diferentes formas farmacêuticas (balas, nebulizações, pós, cremes, pomadas). Em infecções otorrinolaringológicas (anginas, faringite, sinusite) emprega-se como colutório em preparações locais e em forma tópica para diferentes infecções da pele ou feridas infectadas ou como colírio.

Indicações

Sinusite, faringite, anginas. Infecções odontológicas, cutâneas e oculares.

Posologia

200-1.000U por grama para aplicar localmente sobre a pele 2 ou 3 vezes por dia. Em nebulizações: 12.500U cada 12 ou 24 horas.

Reações adversas

Ocasionalmente pode produzir irritação local ou fenômenos de sensibilização cutânea.

Precauções

Não administrar por via parenteral devido ao seu elevado potencial nefrotóxico.

Contraindicações

Hipersensibilidade à bacitracina ou a outros antibióticos do grupo polipeptídio.

Remédio que contêm Bacitracina