BUTOCONAZOL Informações da substância

Ações terapêuticas

Antimicótico tópico.

Propriedades

O butoconazol é um derivado imidazólico e com atividade antifúngica (fungistática-fungicida). Seu mecanismo de ação é similar ao de outros derivados imidazólicos (cetoconazol, miconazol, bifonazol, econazol), e deve-se principalmente à inibição da biossíntese de ergosterol, um componente essencial da membrana dos fungos. Em ensaios in vitro apresenta atividade antifúngica contra espécies de Candida, de Trichophyton, de Microsporum e de Epidermophyton. Também é ativo contra algumas bactérias Gram-negativas. Aproximadamente 5,5% da dose aplicada na mucosa vaginal atingem a circulação sistêmica. Seu pico plasmático é atingido após 24 horas e a meia-vida é de 21 a 24 horas. O butoconazol pode ser combinado com anticoncepcionais orais e também aplicado durante a gravidez após o primeiro trimestre.

Indicações

Vulvite, vaginite, vulvovaginite por Candida. Candidíase vaginal.

Modo de usar

Aplicar a forma farmacêutica escolhida (creme, pomada ou spray) na mucosa vaginal, à noite antes de deitar-se, durante três dias. Em mulheres grávidas (segundo e terceiro trimestres) o tratamento deve continuar durante seis dias.

Reações adversas

Ocasionalmente prurido, irritação, edema, que desaparecem espontaneamente ou com a suspensão da aplicação.

Precauções

Por não existirem provas conclusivas, recomenda-se não utilizar em gestantes ou durante a lactação, a menos que o benefício para a mãe supere o risco potencial para o feto. A segurança e a eficácia em crianças não foram estabelecidas.

Contraindicações

Hipersensibilidade ao fármaco.

Remédio que contêm Butoconazol