NETILMICINA Informações da substância

Ações terapêuticas

Antibacteriano. Bactericida.

Propriedades

Antibiótico aminoglicosídeo com efeito bactericida. É completamente absorvido após administração IM; após aplicação tópica é absorvida em quantidades significativas; pouco absorvida por via oral. A netilmicina distribui-se rapidamente pelos tecidos, córtex renal, fígado, vesícula biliar, estômago e apêndice, chegando também à urina, soro, bílis, catarro e líquidos pericárdicos, sinovial e pleural. Distribuição reduzida para o espaço subaracnóideo e para as secreções brônquicas. LCR em concentrações baixas que dependem do grau de inflamação das meninges. Atravessa a placenta. É eliminada inalterada na urina, onde sua concentração pode chegar a 800 mg/ml.

Indicações

Infecções intra-abdominais produzidas por cepas sensíveis de: E. coli, K. pneumoniae, Pseudomonas aeruginosa, Enterobacter spp., Proteus mirabilis, Proteus spp. (indol-positivas), Staphylococcus aureus. Infecções da pele e das partes moles causadas por cepas sensíveis de Pseudomonas spp., Pseudomonas aeruginosa, E. coli, K. pneumoniae, Enterobacter spp., Proteus mirabilis, Proteus spp. (indol-positivas), Staphylococcus aureus. Septicemias produzidas por Pseudomonas aeruginosa, E. coli, K. pneumoniae, Enterobacter spp., Proteus mirabilis, Serratia spp. e outros bacilos Gram-negativos sensíveis. Complicações urinárias produzidas por Pseudomonas aeruginosa, E. coli, K. pneumoniae, Enterobacter spp., Proteus mirabilis, Proteus spp. (indol-positivas), Staphylococcus aureus, Serratia spp., Citrobacter spp. A netilmicina pode ser associada à ampicilina ou penicilina G no tratamento de infecções por Streptococcus faecalis; com penicilinas antipseudomonas é útil no tratamento de infecções por P. aeruginosa; diante de cepas resistentes de Serratia spp. pode ser associada à carbenicilina, azlocilina, mezlocilina, cefamandol ou cefotaxima. É também útil em infecções ósseas, articulares, do trato biliar, em endocardite bacteriana, meningite (E. coli, P. aeruginosa), otite média aguda e sinusite.

Posologia

Adultos: infecções sistêmicas graves, 1,3 a 2,2 mg/kg, cada 8 horas, por via IM, ou 2 a 3,25 mg/kg, cada 12 horas, durante 7 a 14 dias; em infecções urinárias complicadas, 1,5 a 2 mg/kg cada 12 horas, durante 7 a 14 dias. Crianças (via IM): recém-nascidos até 6 semanas: 2 a 3,25 mg/kg cada 12 horas, durante 7 a 14 dias; lactentes e crianças até 12 anos: 1,83 a 2,67 mg/kg cada 8 horas ou 2,75 a 4,00 mg/kg cada 12 horas, durante 7 a 14 dias. Em pacientes anêmicos, febris, queimados, entre outros, há necessidade de ajuste posológico, que pode ser assim calculado: (CCp/CCn) *DA = DC; onde CCp = clearance de creatinina do paciente, CCn = clearance de creatinina normal, DA = dose habitual, DC = dose corrigida.

Superdosagem

Administração prolongada pode provocar ototoxicidade, nefrotoxicidade. A hemodiálise pode ser útil para sua eliminação.

Reações adversas

Náusea, vômito, diarreia. Síndrome de má absorção. Nefrotoxicidade, ototoxicidade e bloqueio neuromuscular.

Precauções

O risco/benefício deve ser avaliado durante a gravidez e o aleitamento. Administrar com precaução em recém-nascidos e prematuros, ajustar a dose sempre que necessário. O tratamento pode ocasionar o desenvolvimento de microrganismos resistentes, especialmente fungos. Utilizar com precaução na doença de Parkinson e na miastenia grave, devido ao bloqueio neuromuscular produzido pelo antibiótico. A administração de doses elevadas por via oral dificulta a absorção de substâncias lipossolúveis, xilose, lactose, sódio, cálcio, cianocobalamina e ferro.

Interações

Com drogas nefrotóxicas ou ototóxicas (anfotericina B parenteral, bumetanida, carmustina, cefalotina, cisplatina, ciclosporina, ácido etacrínico, furosemida, paromomicina, vancomicina, bacitracina, polimixina B, outros aminoglicosídeos): sinergismo. A netilmicina interfere na absorção oral da penicilina V, vitamina B12, metotrexato e 5-fluoruracil.

Contraindicações

Hipersensibilidade à netilmicina e a outros aminoglicosídeos. Obstrução intestinal.