PAMIDRôNICO, áCIDO Informações da substância

Ações terapêuticas

Antiosteoporótico. Regenerador ósseo. Anti-hipercalcemiante.

Propriedades

Usado como pamidronato dissódico, pertence ao grupo dos bisfosfonatos e é um inibidor seletivo da reabsorção óssea e modulador do remodelamento ósseo, com características antiosteolíticas, anti-hipercalcêmicas e antiosteopênicas.

Indicações

Osteoporose, doença óssea de Paget, síndromes hipercalcêmicas associadas com osteólise maligna, hiperparatireoidismo.

Posologia

Osteoporose: administração oral contínua, sem períodos de descanso, de 200 a 300 mg diários. Obtêm-se melhores resultados se o tratamento for mantido durante 3 ou 4 anos. As determinações densitométricas demonstram ganhos significativos da densidade mineral vertebral após um ano de tratamento. Entretanto, algumas pessoas podem responder mais lentamente a ele. A forma de suplemento, e dependendo da dieta, a administração de 500 mg de cálcio pode ser suficiente. Doença de Paget: por via oral, 400 a 600 mg diários, em 2 a 3 ingestões, até a remissão bioquímica; a via injetável IV é indicada nos casos de resistência à forma oral, e quando for requerida uma rápida remissão devem ser administrados 15 a 45 mg por infusão lenta durante 2 horas, com intervalos semanais, até totalizar 200 mg. Síndromes hipercalcêmicas: injetável IV, 15 a 90 mg diários por infusão lenta; via oral (somente para casos leves), 800 mg a 1,2 g diários, divididos em 3 a 4 ingestões. Este tratamento deverá ser administrado até a normalização dos níveis de calcemia. Geralmente, isso ocorre após 5 a 10 dias de tratamento. A dose inicial escolhida deverá relacionar-se com o nível da calcemia. Osteólise neoplásica (metástase, mieloma múltiplo): administrar 300 a 600 mg ao dia, durante períodos prolongados, buscando a recalcificação das lesões, alívio da dor e prevenção da hipercalcemia.

Reações adversas

Durante os primeiros meses do tratamento, podem ocorrer distúrbios digestivos, como dispepsia leve, dor epigástrica e vômitos. Raramente tem-se informado o aparecimento de esofagite. Outros efeitos, como a diminuição precoce da contagem de glóbulos brancos ou febre, são transitórios e não requerem a suspensão do tratamento. Foram informadas hipersensibilidade e flebite local irritativa durante a infusão IV em menos de 1% dos casos.

Contraindicações

Hipersensibilidade conhecida aos bifosfonatos. Úlcera gastroduodenal ativa.

Remédio que contêm Pamidrônico, ácido